Connect with us
               

Manaus, AM,

AMAZONAS

Arthur Neto assina convênio com a PM para reforçar fiscalização no transporte

Publicado

em

Manaus – A Prefeitura de Manaus celebrou nesta quinta-feira, 5/7, um convênio com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) para a atuação de policiais militares no apoio e fiscalização dos serviços de transporte feito pela Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU). O termo de convênio foi assinado pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o comandante-geral da PM, coronel David Brandão, e o superintendente da SMTU, Franclides Ribeiro, no auditório da Casa Militar, Compensa, zona Oeste. A ação contou com a presença de representantes dos modais de transportes da cidade, além de vereadores representando a Câmara Municipal de Manaus (CMM).

Os PMs serão destacados para trabalhar em parceria com fiscais da SMTU. A conjugação de recursos entre as partes terá como finalidade resguardar a integridade física dos fiscais na execução de blitze, principalmente, no combate ao serviço clandestino, e nos terminais de integração T1 (Constantino Nery), T2 (no bairro Cachoeirinha), T3 (na Cidade Nova), T4 (Jorge Teixeira) e T5 (no bairro São José).

“Este convênio reforça a fiscalização contra a clandestinidade. Sem a ajuda da Polícia Militar, a gente continuaria tentando organizar o sistema, mas as ameaças de morte contra os fiscais e quem trabalha na fiscalização, impedia isso. Agora com o apoio da Polícia Militar, nós teremos respaldo. Eu sei que o sistema será muito melhor mesmo, quando a gente der um grande salto tecnológico com o BRT, mas enquanto isso nós não podemos ficar parados. Nós temos que melhorar o sistema que já está aí e fazer ele oferecer bons resultados para a população”, salientou o prefeito Arthur, a respeito da nova parceria. 

O termo assinado entre a Prefeitura de Manaus e o Comando-geral da Polícia Militar terá vigência de 12 meses, podendo ser prorrogado de acordo com interesse dos conveniados. Em contrapartida ao auxílio da Polícia Militar, a prefeitura irá dispor o valor trimestral de R$ 75 mil a serem investidos na compra de equipamentos e materiais utilizados por policiais e fiscais da SMTU durante os trabalhos de fiscalização.

Ainda segundo ele, a Polícia Militar está finalizando um planejamento para atuar com equipes distintas juntamente com os fiscais da SMTU, e também irá utilizar o serviço de inteligência da corporação, nos locais onde há os pontos de transporte clandestino.

Publicidade

Mais Lidas