Connect with us
               

Manaus, AM,

AMAZONAS

Força-tarefa vai reforçar estoques de oxigênio na rede estadual de saúde

Publicado

em

O governador Wilson Lima anunciou, neste domingo (10/01), que o Governo do Estado montou uma força-tarefa para ampliar o abastecimento de oxigênio na rede estadual de saúde. Entre as medidas, está o apoio das Forças Armadas no transporte do insumo de outros estados para o Amazonas, além da preparação de um chamamento público para implantação de miniusinas de oxigênio.

O plano foi detalhado em reunião do Comitê de Enfrentamento da Covid-19, neste domingo. Wilson Lima também divulgou em suas redes sociais que o momento é dramático, tendo em vista a incapacidade dos fornecedores de oxigênio locais atenderem a demanda crescente do Estado, em decorrência da ampliação de leitos Covid-19, que saltou 134%, de 457 para 1.164 leitos.

“Estamos entrando em uma situação dramática. Por isso, o Estado está mobilizando uma operação junto com o Exército, para trazer cilindros de oxigênio de Guarulhos, em São Paulo, estudando a montagem de miniusinas de oxigênio e também estou pedindo a ajuda dos demais estados para que identifiquem empresas que possam fornecer esse produto ao Amazonas. Nós temos dinheiro em caixa, mas não conseguimos comprar o produto aqui na região”, disse o governador Wilson Lima.

O volume de oxigênio líquido contratado pelo Governo do Amazonas na pandemia, na área da saúde, passou de 176 mil para 850 mil metros cúbicos por mês. Um acréscimo de 382,9%.

Mais Lidas