Connect with us
               

Manaus, AM,

ENTRETENIMENTO

Morte de Paulo Gustavo completa um mês: relembre homenagens já feitas ao ator, vítima da Covid

Painel em homenagem a Paulo Gustavo é finalizado em São Paulo

Publicado

em

Nesta sexta-feira, a morte de Paulo Gustavo, por complicações da Covid-19, completa um mês. De lá para cá, o ator e humorista, que conquistou o Brasil com seu talento e carisma, recebeu uma série de homenagens, tanto de amigos e familiares quanto de instituições e governos. Confira os tributos dedicados a ele:

Rua Paulo Gustavo

A Rua Ator Paulo Gustavo já ganhou a placa oficial em Niterói, depois que a alteração do nome da via foi aprovada na Câmara Municipal, após consulta pública com mais de 34 mil votos. A novidade foi muito celebrada por Déa Lúcia, mãe do artista, e por amigos famosos.

Na placa consta uma foto e uma descrição de quem foi o humorista, que morreu aos 42 anos por complicações da Covid-19: “Ator, humorista, diretor, roteirista e apresentador. Nascido e criado em Niterói, Paulo Gustavo sempre exaltou a cidade e a usou como cenário em seus trabalhos”.

Há ainda uma placa que inclui frases que se tornaram célebres por parte do astro de “Minha mãe é uma peça”: “Rir é um ato de resistência”, “Ame na prática, na ação. Amar é ação, amar é arte” e “O humor salva, transforma, alivia, cura, traz esperança pra vida da gente”

Tatuagem

Irmã de Paulo Gustavo, Juliana Amaral mostrou no Instagram a tatuagem que fez em homenagem ao ator. Ela aproveitou a postagem para rejeitar as condolências enviadas pelo presidente Jair Bolsonaro no dia da morte de seu irmão.

“Nunca mais ponha na sua boca o nome do meu irmão”, declarou.

Lembrança na manifestação

Grande amiga de Paulo Gustavo, Mônica Martelli se emocionou ao participar da manifestação contra o presidente Jair Bolsonaro no sábado. A atriz foi à Avenida Paulista, em São Paulo, e levou um cartaz lembrando da morte do ator. Samantha Schmutz também protestou contra a partida do humorista e de todas as outras vítimas da Covid-19.

Lembrança na vacinação

O ator e humorista Marcus Majella, de 42 anos, sofre de hipertensão e já se vacinou contra a Covid-19. No dia da aplicação, foi até o posto de saúde com uma blusa que estampava o rosto do amigo Paulo Gustavo.

Painel em São Paulo

Quem agora passa pelo bairro de Campo Limpo, em São Paulo, pode se deparar com uma obra de arte ao ar livre daquelas. Trata-se de um mural gigante em homenagem ao ator e humorista Paulo Gustavo. O trabalho é assinado pelo grafiteiro e artista plástico Paulo Terra, nome por trás de outros trabalhos parecidos em que retrata figuras de peso como Silvio Santos, Michael Jackson, Raul Seixas, Ayrton Senna e Gugu Liberato.

Enredo de escola de samba

“Minha vida é uma peça”. Esse será o título do enredo da escola de samba São Clemente no carnaval de 2022. A agremiação da Zona Sul do Rio já tinha outra ideia em mente. Mas mudou, após a morte do ator e humorista Paulo Gustavo. O comunicado sobre a homenagem foi compartilhado no perfil da São Clemente.

“O Paulo era uma figura sensacional. Ele era alegre, irreverente e crítico. Um cara que sempre colocou a família em primeiro lugar. Em 2013, quando falamos sobre novelas, ele esteve conosco na avenida. Tenho certeza que faremos uma linda homenagem, podem ter certeza”, consta da declaração do presidente Renato Almeida Gomes, num comunicado compartilhado no perfil da escola na web.

Honraria da Câmara

Após indicação feita pela vereadora Monica Benicio, do PSOL, a Câmara de Vereadores do Rio aprovou a concessão do Conjunto de Medalhas de Mérito Pedro Ernesto ao ator e comediante Paulo Gustavo. Será uma homenagem post mortem da cidade do Rio ao trabalho do artista. A medalha é a maior honraria a ser concedida pela Câmara do Rio.

Missa de sétimo dia no Cristo Redentor…

Restrita à família e amigos mais íntimos do ator, a missa de sétimo dia foi celebrada seguindo as normas internacionais contra o coronavírus e foi transmitida ao vivo pelo Multishow, com sinal aberto para não assinantes no Globoplay. Mãe de Paulo Gustavo, Déa Lúcia, assistiu à cerimônia segurando um terço e de mãos dadas com a filha, Juliana Amaral. O pai do humorista, Júlio Marcos, usou uma camisa com a imagem do filho.

Regina Casé rezou Ave Maria e Salve Rainha com uma imagem de Nossa Senhora nas mãos. Assim que acabou a oração, levou a imagem para que a família de Paulo Gustavo a beijasse. Após o fim da celebração, as luzes do Cristo Redentor foram apagadas por um minuto em homenagem às 423 mil vítimas da Covid-19, representadas por Paulo Gustavo. No momento em que os participantes da missa ficaram em silêncio, foi possível ouvir o choro das pessoas.

… e na Bahia

Devoto de irmã Dulce e benfeitor do Santuário Santa Dulce dos Pobres, Paulo Gustavo também ganhou uma missa em sua homenagem em Salvador, na Bahia. Uma foto dele ficou exposta até o dia 13 de maio na Capela das Relíquias, local que abriga os restos mortais do Anjo Bom do Brasil.

Lembrança de Beyoncé

A mãe de Beyoncé, Tina Knowles, emocionou os brasileiros ao fazer uma homenagem a Paulo Gustavo. Antes de Tina, o site oficial da cantora americana já havia publicado um tributo ao humorista com os dizeres “descanse em paz”. O comediante era um grande fã da cantora.

“Infelizmente, nós perdemos um ator e comediante muito amado, o Sr. Paulo Gustavo. Sr. Gustavo era muito fã de Beyoncé e parte da Beyhive (como são chamados os fãs da cantora). Ela também era fã dele. Estamos rezando por sua família e seus fãs. Você fará falta, Paulo”, escreveu Tina na homenagem, que recebeu uma série de comentários de brasileiros.

“Aplausaço”

O ator também foi homenageado em diversos bairros do Rio e Niterói com um “aplausaço” feito por fãs de suas janelas. Eles se organizaram para baterem palmas para a carreira do ator por volta das 20h, no dia seguinte da morte de Paulo Gustavo. Em Icaraí, bairro de Niterói, cidade em que ele nasceu, os aplausos foram intensos. Foi lá que ele gravou uma das cenas do filme “Minha mãe e uma peça”, franquia que bateu recordes de público do cinema nacional.

 

 

No condomínio Chácara do Abaeté, na Rua Miguel de Frias, também em Icaraí, a homenagem com aplausos foi ainda mais especial. Lá é onde mora Déa Lúcia, mãe do ator, e onde ele morou também boa parte de sua vida. Em uma cobertura da vizinhança, também houve queima de fogos neste momento, além um buzinaço feito pelos motoristas. A mãe foi quem inspirou o personagem mais famoso de sua carreira, a Dona Hermínia.

Tributo na porta do hospital

No dia seguinte à morte de Paulo Gustavo, seus fãs, com lágrimas nos olhos, lamentaram sua morte, na porta do Hospital Copa Star, em Copacabana, onde ele permaneceu internado ao longo de dois meses.

Memorial “Inumeráveis”

O ator também ganhou uma homenagem do memorial “Inumeráveis”, que se dedica a contar a história de cada uma das vítimas do coronavírus no Brasil. Além de fãs, a sua grande amiga Monica Martelli deu um depoimento.

“Ele é a personificação do riso. Fez milhões de brasileiros rirem até suas barrigas doerem. Trouxe mensagens de tolerância e amor que este país tanto precisa. Ele ensinou e eternizou que ‘rir é um ato de resistência'”, disse ela.

Posts do marido

Marido de Paulo Gustavo, o dermatologista Thales Bretas fez uma série de homenagens ao artista nas redes.Compartilhando fotos e vídeos do humorista, o médico escreveu uma série de mensagens bonitas sobre os sete anos da relação dos dois, que ele classificou como os mais felizes de sua vida.

“Nossa caminhada tinha tudo pra ser longa! Linda como vinha sendo… tão feliz! E foi muito! Como fui feliz nesses últimos 7 anos que tive o privilégio de conviver com você! Como eu aprendi, cresci! Espero poder passar um pouco do seu legado de generosidade, afeto, alegria e amor. Você é um furacão! Uma estrela que brilhou muito aqui na Terra, e vai brilhar ainda mais no céu, olhando pela nossa família sempre!!! Eu te amo tanto… e sempre te amarei, pro resto da minha vida! Não consigo escrever um centésimo do quanto você foi e é importante pra mim e pro mundo. E continuará sendo, eternamente…”, escreveu.

Mais Lidas