Connect with us
               

Manaus, AM,

AMAZONAS

Polícia identifica trio suspeito de espancar e balear jovem em chácara no Tarumã

Publicado

em

Manaus|AM – A Polícia Civil identificou três envolvidos de espancar e balear no peito Renê Vasconcelos Hayda na madrugada do último domingo, 17/06. Entre eles, o empresário Jonathas Ramom, proprietário da empresa RF Entretenimento, que é apontado como o autor do tiro contra vítima, também é apontado como um dos responsáveis pelo crime.

O jovem permanece internado no Hospital Delfina Aziz, na zona Norte, onde passou por cirurgia e passou a usar uma bolsa plástica para armazenar urina. A tentativa de homicídio ocorreu numa chácara no bairro do Tarumã, na Zona Oeste de Manaus, durante uma festa.

Renê recebe visita de parentes e amigos no hospital.

Segundo testemunhas, o rapaz ferido com o tiro também foi espancado com ajuda de amigos de Ramom, que foram identificados de Fernando Mendes Hugo e Marcelo Albuquerque, conhecido pelo apelido de “Marmota”, que é funcionário de Fernando.

Fernando é dono da Digitus Computec e sócio de Ramom na RF Entretenimento.

Fernando Mendes Hugo, sócio de Ramom na “RF Manaus”, exibe um revólver calibre 38 ao lado de amigos, inclusive “Marmota”.

Renê teria sido agredido porque ele retirou algumas pedras de gelo da caixa de isopor dos três. Renê já foi funcionário da empresa de Fernando.

Depois de ter sido ser espancado foi posto por seguranças para fora da festa. Como havia sido ameaçado de morte por Ramom quando saísse da festa, Renê, já do lado de fora, quando tentou ligar para a polícia, levou um tiro a queima-roupa de Ramom.

Ramom se apresentou à polícia na segunda-feira, prestou depoimento e em seguida foi liberado para responde ao processo em liberdade.

Mais Lidas