Connect with us
               

Manaus, AM,

AMAZONAS

Público detona Uendel Pinheiro e organização do show do grupo Menos é Mais em Manaus

Publicado

em

Manaus – O show, que teve a participação do grupo de pagode Menos é Mais, foi marcado por críticas e reclamações do público amazonense.

O evento foi organizado pelo cantor Uendel Pinheiro, também produtor do evento e sócio da empresa NPS Entretenimento, e foi realizado na noite de segunda-feira (15/11), no feriado da Proclamação da República, na concentração do Sambódromo, na zona Centro-Oeste da capital.

De acordo com as pessoas que estiveram na festa, o evento teve uma superlotação de público, com aproximadamente 30 mil pessoas.

Após a repercussão negativa do evento, o cantor Uendel Pinheiro limitou os comentários em seu perfil no Instagram para evitar receber uma enxurrada de críticas em suas publicações.

De última hora Uendel Pinheiro anunciou nas redes sociais que a festa não seria mais realizada no Podium da Arena da Amazônia e sim na concentração do Sambódromo, espaço que não comporta 8 mil pessoas e que não agradou o público.

“O motivo é simples, maior capacidade de público. Infelizmente, no Podium da Arena, ficaríamos limitados a um número menor de pagodeiros [fãs]. Indo para a concentração do Sambódromo conseguimos dar mais conforto ao público que vai pagodear com a gente”, ressaltou sambista nas redes sociais.

No entanto, a mudança repentina parece não ter agradado o publico. “Show do Menos é Mais é incrível, mas nota zero para estrutura do show em si, uma merda real, som extremamente ruim, espaço péssimo, poucos banheiros, entrada de vip e posta completamente mal localizado, sério”, disse uma internauta.

Além das reclamações do público, a organização do evento não exigiu a apresentação da carteira de vacinação, o uso de máscaras, muito menos testes de Covid.

Veja algumas críticas:

Mais Lidas