Connect with us
               

Manaus, AM,

AMAZONAS

VÍDEO: Funcionário do Clube de Tiro dá detalhes do acidente e pede respeito pelas vítimas

Publicado

em

MANAUS – Um dos funcionários do Clube de Tiro Ponta Negra usou as redes sociais para comentar o grave acidente ocorrido neste domingo (15) no local. Uma explosão acabou ceifando a vida de quatro pessoas no local, o casal proprietário da empresa e dois funcionários; além das vítimas fatais, um homem foi hospitalizado em estado grave.

No instagram, o homem identificado como Carlos Alberto se manifestou através dos stories para falar sobre a situação e a forma como o incidente vem sendo divulgado em páginas de fofoca: “O que aparecer nas mídias, notícias, atrocidades, besteiras que tão falando, envolvendo política. Não acreditem nisso. Mídia, pessoas que querem ganhar likes em cima da desgraça alheia”, afirmou.

Carlos ainda dá a entender que escapou por pouco de estar no local no momento da explosão: “Acabei me atrasando por problemas no carro”, diz ele em um momento.

Por fim, ele faz um apelo em nome da dor que familiares e amigos das vítimas estão sentindo pelas perdas: “Perdemos colegas de trabalho, pessoas com quem eu convivia. Ninguém sabe de fato o que aconteceu. Tem pessoas, famílias que perderam seus entes queridos. Vamos respeitar”, pede o rapaz.

Assista:

Relembre o caso

A explosão no Clube de Tiro da Ponta Negra causou a morte de quatro pessoas, além de deixar um homem ferido em estado grave, foi levado ao hospital. Não se sabe o que provocou a explosão, o clube fica localizado no bairro Ponta Negra, zona oeste de Manaus.

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), os mortos são os donos do local, Nardier Pinheiro de Araújo e sua esposa, Ursula Rodrigues Macedo de Araújo, e dois funcionários, identificados apenas como Dangelo e Francisco.

Com 90% do corpo queimado, Mairkon Alves, 30 anos, foi encaminhado ao Hospital 28 de Agosto e passou por uma cirurgia de emergência.

O governo do Amazonas informou que as autoridades estão apurando as causas do acidente, que devem ser apontadas após uma perícia. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Mais Lidas